Peitos pintados em manifestação contra a PEC da redução da maioridade penal em Brasília

Share Button

Dentre todos os protestos realizados em Brasília contra a PEC da redução da maioridade penal (30/06/2015), um grupo chamou a atenção – O Movimento Mudança, formado tanto por homens como por mulheres, protestavam mostrando os peitos pintados de vermelho ou verde. A dúvida: o que os peitos pintados e visíveis ao público representam com relação ao tema “redução da maioridade penal”? Seria só para chamar a atenção para o tema? Alguém se arrisca em responder? Veja o que eles escrevem sobre o ato na página do Facebook:

A Juventude disse NÃO e ontem barrou a Redução da Maioridade Penal! Hoje vamos barrar o golpe de Eduardo Cunha e dizer mais uma vez:‪#‎NãoàRedução‬!

A vitória que tivemos ontem foi linda e mostrou que os movimentos de juventude tem uma força capaz de enfrentar os setores mais conservadores e reacionários do Congresso da Nacional e da sociedade brasileira. A juventude negra organizada foi protagonista desta luta. Com unidade dos coletivos que as constroem e irreverência, a UNE e a UBES, tiveram um papel fundamental e apontaram para a construção de um novo momento histórico para o movimento estudantil brasileiro.

É um orgulho sermos parte desta história de construção do nosso futuro. Parabéns à militância da Mudança de todos os estados! Parabéns à juventude brasileira! ‪#‎NósBarramosaRedução‬

Seguimos mobilizados/as e em luta! A juventude vai voar!

Letícia Mendonça, do Movimento Mudança, conta que foram de ônibus saindo da cidade de Goiás a 150km de Goiânia:

Saimos às 6h e chegamos as 11h30min. Entre todos havia alunos do IFG, UFG e UEG (onde eu estudo) – secundaristas e universitários, mães e filhos!! Foi um grande ato pra nós! 

Posteriormente, Letícia Mendonça contará um pouco sobre os motivos que levou o grupo a um protesto mais irreverente e o que pensam sobre a PEC da Redução da Maioridade Penal.

Confira as imagens da manifestação, inclusive imagens dos protestos com os grupos a favor da redução que representaram por meio de cruzes fincadas no chão as vítimas da impunidade do Estado em relação ao menores de idade. Acesse Fotos Públicas > Clique Aqui.

Fonte: Facebook do Movimento Mudança (negritos e sublinhados acrescentados)