CPFL Paulista promove blitz da campanha Chega de Choque em Hortolândia

CPFL Paulista promove blitz da campanha Chega de Choque em Hortolândia

Share Button

Iniciativa itinerante está presente no município com ações de orientação e esclarecimento à população

Hortolândia, 06 de outubro de 2017 – A CPFL Paulista, distribuidora da CPFL Energia que atende a mais de 4 milhões de consumidores em 234 municípios do interior paulista, realiza pela primeira vez a blitz da Campanha Chega de Choque em Hortolândia. A ação itinerante irá percorrer diversos centros da cidade, e ocorre hoje, no dia 06 de outubro, das 09h às 18h30.

Parte da das ações da Chega de Choque realizada pela CPFL Energia, a blitz tem como objetivo reduzir os índices de acidentes com a população e alertar sobre os riscos do convívio inadequado com a rede elétrica. A campanha aborta temas como o risco de empinar pipas próximo da fiação elétrica, do uso de cabos energizados para pendurar enfeites durantes datas comemorativas, das ligações elétricas clandestinas ou sem conhecimento, além de orientar e dar dicas para profissionais liberais e autônomos, como pintores, calheiros, colocadores de painéis, eletricistas particulares e trabalhadores da área rural.

Para o gerente de Saúde e Segurança do Trabalho da CPFL Energia, Marcos Victor Lopes, o Grupo investe na conscientização da população sobre os perigos do convívio inadequado com a rede elétrica para garantir a segurança e o bem-estar de suas comunidades. “A blitz é mais uma das nossas ações que tem como foco incentivar os cidadãos e profissionais a adotarem medidas de segurança, assim como o uso adequado de equipamentos de proteção para diminuir os acidentes”, afirma.

A blitz utiliza a tecnologia como principal meio de comunicação com a população. Por meio de tablets, promotores exibem vídeos para as pessoas abordadas, os quais exploram os cuidados necessários com a rede elétrica. Além disso, também entregam o folheto da campanha e um brinde personalizado para aquelas que completarem o quis sobre segurança. Já o carro de som equipado com telas exibe animações que demonstram os perigos reais da proximidade à rede e números sobre o tema.

Veja o roteiro da ação em Hortolândia: 06/10 das 9h às 17h em Hortolândia passando pela Av. Santana, Av. Olívio Franceschini e Rua Luiz Camilo de Camargo.

Acidentes com a rede elétrica

O histórico de acidentes dos últimos três anos reforça a importância de campanhas como a Chega de Choque. Considerando os anos de 2014, 2015 e 2016, foram contabilizados 172 acidentes – sendo 42 fatais – na rede elétrica das distribuidoras da CPFL Energia, em diferentes cidades. Em Hortolândia, no mesmo período, a CPFL Paulista registrou dois acidentes leves, ambos causados em função de trabalhos realizados durante atividades de construção.

Até maio de 2017, a CPFL Energia já contabilizou 38 acidentes considerando todas os municípios atendidos. Do total, 14 foram fatais. Não foram registrados acidentes em Hortolândia nesse período.

Além da Chega de Choque, a CPFL Energia promove outras ações de conscientização da população sobre os riscos da energia elétrica. O Grupo CPFL também promove a Campanha Externa de Prevenção de Acidentes com Eletricidade (CEPAE), que são palestras realizadas pela companhia em escolas, associações de bairro, sindicatos de classe, empresas e lojas de material de construção para abordar o tema da segurança. É possível solicitar uma palestra com um profissional da CPFL Energia através do e-mail [email protected]​.

No Brasil, foram registrados 814 acidentes com choque elétrico em 2016, sendo 599 fatais – quase dois por dia, segundo levantamento realizado pela Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade (Abracopel). Dentre esses casos, 147 eram profissionais da construção civil e manutenção predial – na sua maioria autônoma. Perderam a vida 82 pedreiros, pintores, soldadores, serralheiros e ajudantes, oito trabalhadores do ramo de instalação de fachadas e painéis e 57 eletricistas. 

Chega de Choque

A campanha Chega de Choque é realizada nos 623 municípios de atuação das nove distribuidoras da CPFL Energia nos estados de São Paulo e Rio Grande do Sul. Já a blitz da campanha percorrerá 32 praças de diversos municípios em São Paulo e quatro no Rio Grande do Sul.

A iniciativa durará 90 dias, com agenda de dois a seis dias em cada praça. Além da blitz, a CPFL Energia reforça a campanha por meio de distribuição de folhetos e materiais alusivos em lojas de materiais de construção, associações de bairro e sindicatos.

Sobre a CPFL Energia

A CPFL Energia, há 104 anos no setor elétrico, atua nos segmentos de distribuição, geração, comercialização e serviços. Desde janeiro de 2017, o Grupo faz parte da State Grid, estatal chinesa que é a segunda maior organização empresarial do mundo e a maior companhia de energia elétrica, atendendo 88% do território chinês e com operações na Itália, Austrália, Portugal, Filipinas e Hong Kong.

Com 14,3% de participação, a CPFL Energia é líder no mercado de distribuição, totalizando mais de 9,1 milhões de clientes em 679 cidades, entre os estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná. Na comercialização, é uma das líderes no mercado livre, com participação de mercado de 14,1% na venda para consumidores finais. É líder na comercialização de energia incentivada para clientes livres entre as comercializadoras.

Na geração, é a terceira maior agente privada do País, com um portfólio baseado em fontes limpas e renováveis, como grandes hidrelétricas, usinas eólicas, térmicas a biomassa, Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH) e usina solar. Considerando a participação acionária na CPFL Renováveis, maior empresa de geração da América Latina a partir de fontes alternativas de energia, a capacidade instalada do Grupo CPFL alcançou 3.258 MW, no final do primeiro trimestre de 2017.

A CPFL Energia possui ações listadas no Novo Mercado da BM&FBovespa e ADR Nível III na NYSE, além de participar do Índice Dow Jones Sustainability Index Emerging Markets. Pelo 12º. ano consecutivo, as ações da companhia integram a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BM&FBovespa. O Grupo também ocupa posição de destaque em arte e cultura, entre os maiores investidores brasileiros, por meio do Instituto CPFL.

A Redação

Por Uma Mídia Livre em Hortolândia.

Facebook Twitter YouTube